Torcedores acionam Justiça para permitir visitantes em alguns jogos do Campeonato Francês

Rede de Rádios

Torcedores acionam Justiça para permitir visitantes em alguns jogos do Campeonato Francês

 


As autoridades do país vêm impedindo a presença de torcida visitante em partidas específicas em razão do alto risco de violência

Torcedores franceses estão acionando a Justiça para que possam entrar em estádios do país como visitantes em alguns jogos do Campeonato Francês. As autoridades do país vêm impedindo a presença de torcida visitante em partidas específicas em razão do alto risco de violência.

A decisão é recente e foi motivada pela morte de um torcedor do Nantes, a facadas, na semana passada, antes de um jogo entre o time e o Nice, em rodada do Francês. O episódio de violência gerou forte repercussão nacional e fez a ministra dos Esportes, Amelie Oudea-Castera, pedir por medidas drásticas para impedir novas mortes no futebol.

A decisão, contudo, desagradou um grupo de torcedores, liderados pela Associação Nacional de Torcedores, que acionou a mais alta corte administrativa da França nesta sexta-feira. A entidade quer derrubar o impedimento dos visitantes de estarem nas arquibancadas de dois jogos na rodada deste fim de semana: Montpellier x Lens e Nice x Reims, ambas da primeira divisão.

O grupo também pede a presença de torcida visitante em duas partidas da segunda divisão: Bordeaux x Saint-Étienne e Auxerre x Ajaccio. "Estes apelos não têm o objetivo de minimizar a seriedade da tragédia do sábado passado. Ninguém pode duvidar da imensa tristeza nas arquibancadas do futebol francês. E ninguém pode duvidar do nosso senso de responsabilidade", alegou o grupo. "O objetivo desta abordagem é garantir que estas partidas sejam disputadas numa atmosfera de respeito e liberdade."

A entidade também explicou por que não pediu a liberação de visitantes para as seguintes partidas: Paris Saint-Germain x Nantes, Lorient x Olympique de Marselha e Lyon x Toulouse. "Estas decisões são altamente questionáveis. Mas estas partidas vão atrair grandes multidões. É muito tarde para mudar a programação destes jogos", disse a associação.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem